Água: o elixir da vida

Água: o elixir da vida

A água é fundamental para que haja vida. Sem ela não seria possível a existência de nenhuma espécie de vida que conhecemos hoje.

A maior parte do corpo humano é composto por água. Estima-se que mais de 60% do corpo de um homem adulto seja composto por água. Já em um bebê, esse índice pode chegar a 80%.

Dentre suas principais funções em nosso organismo, podemos ressaltar o transporte de nutrientes, participação em reações químicas e controle da temperatura corporal.

Em geral, os especialistas recomendam o consumo mínimo diário de 2 litros de água. Mas essa quantidade pode variar, de acordo com o tamanho, tipo de atividade física que praticada, clima, entre outros fatores.

agua

Vamos conhecer mais especificamente sobre a atuação da água em nosso corpo. E ter melhores motivos para nos hidratarmos de forma adequada.

Cérebro – O bom nível de hidratação atua diretamente no bom funcionamento do cérebro, deixando-o em alerta.

Rins – A hidratação é fundamental para o funcionamento adequado dos rins, pois através da urina eliminamos toxinas e nutrientes desnecessários do organismo.

Sistema Digestivo – indispensável para a dissolução e absorção dos nutrientes, além da excreção.

Articulações e músculos – atua como lubrificante, protege as articulações e o melhor funcionamento e manutenção dos músculos (já que 75% dos músculos são compostos por água).

Pressão Arterial – Segundo estudo da Vanderbilt University Medical Center, nos EUA, a água por si só ajuda no controle da pressão, já que ela influencia na densidade do sangue.

Pele – Grande parceira no combate ao envelhecimento precoce, a água colabora na manutenção da elasticidade e tonicidade, ajudando a minimizar rugas e celulites.

Células – Atua no transporte de nutrientes, oxigênio e sais minerais para as células

Controle do peso – A água ajuda a proporcionar a sensação de saciedade.

O copo não estoca água. Por isso é muito importante mantermos uma hidratação regular ao longo do dia.

A falta de água no organismo leva a desidratação, pode gerar doenças (enxaqueca, asma, constipação, etc.) e o envelhecimento precoce. Vale salientar que a sede já é um sintoma de desidratação (leve). Então, não espere ter sede para beber água.

Segundo pesquisas, o ser humano conseguiria resistir no máximo de 3 a 5 dias sem água, a partir daí a desidratação pode leva-lo a morte.

*com informações do Terra, Mundo Educação, Brasil Escola e Minha Vida

You must be logged in to post a comment.